Anvisa recomenda suspensão da vacina da AstraZeneca

A Anvisa recomendou na noite desta segunda-feira (10/5) a suspensão “imediata” do uso da vacina anti-covid fabricada pela AstraZeneca/Fiocruz em grávidas. A orientação é que o Programa Nacional de Imunização siga a bula do imunizante e é resultado “do monitoramento de eventos adversos feito de forma constante sobre as vacinas covid em uso no país.”

Atualmente, a bula da AstraZeneca não recomenda o uso em grávidas sem orientação médica. A Coronavac e a Pfizer, ao contrário, não trazem essa contraindicação na bula.

Continua após a Publicidade

A nota continua dizendo que “o uso de vacinas em situações não previstas na bula só deve ser feito mediante avaliação individual por um profissional de saúde que considere os riscos e benefícios para a paciente”.

MORTE DE GESTANTE

Segundo a coluna Painel, da Folha de São Paulo, o Ministério da Saúde investiga o caso de uma gestante que morreu no Rio de Janeiro após ter sido imunizada com a vacina. Além do caso relatado no Rio, a coluna questionou o Ministério sobre outra morte relatada na Bahia, mas a pasta informou que está investigando apenas um dos casos. 

Redação

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do SeuJornal, não significa que foi escrita por um deles, na maioria dos casos, foi apenas editada.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Desative seu Bloqueador de anúncios e ajude nosso site a se manter vivo