Chico Rebete e Marcus Belini recebem Moções na Câmara Municipal de Capivari

Com a liberação do plenário ao público, as cerimônias de entrega de moções voltaram a ocorrer na Câmara Municipal de Capivari na noite de segunda-feira, 09. Após ser aprovada por unanimidade, a Moção de Congratulações (nº 52/2021) pelos dez anos de fundação da rádio R FM foi entregue pelo vereador Denilton Rocha (MDB) ao radialista Francisco Antonio Marques, conhecido como Chico Rebete.

Em 27 de julho de 2021, a rádio R FM completou dez anos da entrada oficial no ar, sendo líder de audiência em Rafard, onde tem sua planta transmissora, e ocupa destacada posição na média de audiência entre as FMs da região. Um pouco da história da rádio foi relatada em tribuna por Chico Rebete, que agradeceu ao vereador Denilton e à Casa de Leis pela homenagem.

Os estabelecimentos comerciais e empresas de Capivari também foram homenageados durante a 24º sessão ordinária. Marcus Belini, presidente da Associação Comercial e Industrial de Capivari (Acic), recebeu das mãos do presidente Du Bombonatti “Tambú” (Republicanos) uma Moção de Congratulações (nº 12/2021), que parabeniza os comerciantes e empresários da cidade que atravessam momentos difíceis por conta da pandemia da Covid-19, e que lutam e se reinventam para manter seus negócios abertos e os empregos de seus colaboradores.

Essa moção foi aprovada por unanimidade em 26 de abril de 2021. Belini também usou a tribuna para falar do trabalho da Acic e das dificuldades enfrentadas pela classe empresarial, e para agradecer o reconhecimento da Câmara de Capivari.

Outras moções

Ainda na segunda-feira, foram aprovadas outras três moções: uma de Pesar, de autoria do vereador Thiago Braggion (PSL), pelo falecimento do jovem Rogério Campos dos Santos; uma de Apelo, de autoria do vereador José Eduardo de Campos Pacheco (PL), à Assembleia Legislativa, para a aprovação do projeto de lei complementar para a criação da Região Metropolitana de Piracicaba; e uma de Repúdio, também de autoria de Pacheco, ao Governo do Estado e à Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo), contra o reajuste da tarifa de pedágios.

Redação

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do SeuJornal, não significa que foi escrita por um deles, na maioria dos casos, foi apenas editada.
Botão Voltar ao topo