Editorial: O Palácio intocável de Tuzinho e Chico Bento

Desde o inicio do ano o atual Presidente da Câmara de Capivari, vereador Dú Bombonatti, tem divulgado viagens para diversos locais, incluindo São Paulo e Brasília. Mas quando o assunto é chefiar o Palácio do Legislativo sua opinião muda de figura.

Ele, a ele pode visitar normalmente todos os locais, mas a população, que é quem paga o seu salário, essa não tem o direito de assistir pessoalmente as sessões legislativas.

Semana passada, nem mesmo um seleto grupo de pessoas que foram protestar pela causa LGBTQIA+, por se sentirem ofendedidos na Câmara, puderam acessar o Palácio intocável. E pasmem, eles puderam ser recebidos dentro do prédio durante o dia, ou seja, puderam acessar a Casa, mas assistir as sessões não pode! Nem o pai da psicanálise, Freud, explica isso.

O que mais assusta, é que a Câmara, é totalmente diferente de muitos outros locais em Capivari, por ser ampla, arejada e possuir uma grande equipe de limpeza, sem contar, que o público que gosta de assistir as sessões presenciais, sempre são números bem pequenos. Sem contar que recentemente foi contratada uma empresa para higienizar as cadeiras do plenário contra a Covid-19, e não ficou barato.

O presidente da Câmara gosta de apontar ideiais para tudo, mas para sua gestão frente ao legislativo, nada põe em prática, ele gosta de pedir explicações sobre tudo e todos, mas ele mesmo, não explica nenhuma de suas atitudades , atitudes estas , que ele é pago com o nosso dinheiro para decidir e por em prática.

Até hoje ele não explicou para a sociedade o que o motivou a trazer um político de Rio Claro – SP para ocupar um alto cargo no Poder Legislativo, foi amizade? Foi currículo?

Gastos estranhos também tem aparecido no Portal Transparência da Câmara Municipal, compras e serviços que deveriam ser auditados por uma comissão de vereadores, recentemente vereadores anunciaram a criação de diversas comissões temporárias novas em Capivari, nobres legisladores, criem uma comissão para analisar as despesas desta casa. Tirem nossas dúvidas.

Agora a Câmara entra em férias, e com isso todos os demais vereadores seguem mais uns dias assistindo calados a um político de Rio Claro (Tuzinho) e seu parceiro Dú Bombonatti, apelidado na coluna Pinga Fogo do Jornal da Cidade, JCR, de Chico Bento, mandando e desmandando.

A Câmara de Capivari é comandada hoje por um politico não eleito, e ainda por cima, ele é de outra cidade.

Marcos Paulo Braggion

Marcos é jornalista, com Registro no Ministério do Trabalho nº43.092/SP, escreve e edita diversos temas, atualmente é o Diretor do site SeuJornal e diretor do Jornal da Cidade, JCR.
Botão Voltar ao topo