Efeitos do Covid-19 no cérebro

Artigo de Carolina Marroni – A pandemia da COVID-19 é motivo de preocupação por suas complicações e letalidade. Mas pesquisas vem apontando para fatos preocupantes com relação às pessoas recuperadas da doença.

Apesar de preliminares, dados de uma pesquisa realizada pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) indicam a possibilidade de alterações no padrão de conectividade funcional do cérebro. Em outras palavras, comparando imagens do cérebro de pessoas não infectadas  e de pessoas recuperadas da COVID-19, observou-se que há diferença nas regiões ativadas para desempenhar uma função. Enquanto no caso do primeiro grupo, apenas áreas específicas apresentam atividade, em pessoas recuperadas da doença (mesmo as que apresentaram sintomas leves) há uma ativação generalizada, quando uma função é demandada. 

O que antes acreditávamos ser uma doença que atingia apenas o sistema respiratório, passou a ser visto como uma doença sistêmica, ou seja, afeta diferentes sistemas das pessoas do nosso corpo. Isto significa que tanto os sintomas, como os prejuízos após a recuperação podem variar muito. As queixas relacionadas aos sistemas cardíaco, respiratório, digestório e vascular são comuns e facilmente aceitas como consequências da infecção pelo COVID-19. Porém, poucos sabem que já há registros que relacionam esta doença a prejuízos cognitivos, problemas comportamentais e, até mesmo, queixas emocionais que podem exigir intervenções de especialista na área, como neuropsicólogos e neuropsiquiatras.

Embora seja cedo para afirmar a relação entre a COVID-19 e todos os problemas acima expostos. O que fica destas informações é a necessidade de reconhecimento e aceitação da possibilidade de alterações neuropsicológicas que trarão impacto na vida dos pacientes.

Se você, ou alguém que conhece estiver passando por algo parecido com o descrito anteriormente, busque por profissionais qualificados e especializados, para que o tratamento comece o quanto antes. Há uma tendência de que o início precoce do tratamento implique em melhores resultados.

Quer saber mais?

Acompanhe conteúdos com informações sobre aprendizagem, desenvolvimento e funções cognitivas no meu perfil profissional do Instagram (@carolina.marroni), ou entre em contato pelo telefone e Whatsapp (19)98177-8662 para agendar um horário.

Redação

Sobre o autor : Esta notícia foi publicada por um dos redatores do SeuJornal,não significa que foi escrita por um deles, na maioria dos casos, foi apenas editada.
Botão Voltar ao topo