PF intima Bolsonaro em inquérito que apura “importunação” contra baleia

Clique aqui e peça agora

A Polícia Federal intimou o ex-presidente Jair Bolsonaro e o ex-ministro das Comunicações Fabio Wajngarten a prestarem depoimento em um inquérito que apura eventual crime ambiental em razão de “importunação” a uma baleia jubarte. De acordo com o processo, o ato ocorreu em São Sebastião, no litoral Norte de São Paulo, no ano passado.

A corporação apura se foi violada a lei que proíbe a pesca ou o “molestamento intencional” de baleias. Em vídeos compartilhados pelas redes sociais, Bolsonaro aparece com uma moto aquática com motor ligado próximo ao mamífero.

O inquérito afirma que o condutor da moto aquática aparece em uma distância inadequada. “Atribui-se a identidade desta pessoa, supostamente, ao ex-presidente Jair Messias Bolsonaro”, diz um trecho do relatório policial.

As oitivas devem ocorrer de maneira virtual na próxima semana. Wajngarten, que atualmente é advogado de Bolsonaro, foi chamado por conta de informações que apontam que ele estava presente no momento em que a situação ocorreu.

Redação

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do SeuJornal, não significa que foi escrita por um deles, na maioria dos casos, foi apenas editada.
Botão Voltar ao topo