Polícia registra mais um caso de suposto estupro de vulnerável em Rafard

Na noite desta terça-feira (22), o Plantão Policial de Piracicaba recebeu a denúncia de um suposto estupro de vulnerável. Todas informações são do site PiraNot.O crime teria ocorrido em Rafard.

Publicidade

A declarante de 36 anos informa que deixou a filha de 11 anos na casa de sua mãe e, quando voltou para buscá-la, contou que a criança se queixava de dor na vagina. A mãe examinou as partes íntimas da filha e verificou uma vermelhidão no local. Em contato com a criança, ela alegou que estava dormindo e que não sentiu ninguém mexendo consigo. Aproveitando a situação, a filha mais velha comentou que, quando mais nova, chegou a ser abusada sexualmente pelo padrasto da declarante, mas que nunca havia contado isso a ninguém. A filha mais velha disse ainda que, por bem, achou melhor expor a situação agora diante da suspeita de abuso contra a irmã mais nova.

Os policiais orientaram a declarante a passar com a filha mais nova no hospital para que exames fossem feitos na criança. A declarante também aproveitou para fornecer aos policiais o endereço de seu padrasto para que medidas cabíveis de investigação fossem tomadas.

Botão Voltar ao topo