Prefeitura esclarece polêmica sobre transporte por aplicativo

O Prefeito de Capivari, Vitão Riccomini (PSL), afirmou que a Prefeitura está fiscalizando os veículos e motoristas que trabalham por aplicativo para fazer transporte de pessoas na cidade e esclareceu, durante entrevista à Rádio Raízes Fm, no começo da tarde desta sexta-feira, 19, que isso é obrigação do poder público.

“Toda vez que a Prefeitura tem conhecimento de que uma atividade comercial está sendo realizada, é dever dela fiscalizar. Até porque, nesse caso, envolve a segurança das pessoas”, comentou.

De acordo com o secretário de Mobilidade Urbana, Mauro Júnior, a cidade tem uma lei de 2019, que rege o transporte por aplicativos na cidade. Ele afirma que a lei foi criada para regulamentar o serviço, determinando regras e exigências para evitar riscos à segurança das pessoas.

Mauro ressalta que é preciso seguir os trâmites legais para oferecer o serviço de forma correta, recolher as taxas, apresentar documentos e procurar a Prefeitura para liberação do trabalho. Hoje, em Capivari, é preciso ter alvará para atuar com transporte por aplicativo. O secretário disse ainda cinco empresas atuam na cidade, mas apenas duas têm autorização para trabalhar. De cerca de 80 carros estimados pela administração municipal, apenas nove estão legalizados para desempenhar a função. O chefe da pasta garante que quem estiver ilegal será autuado por transporte clandestino.

O secretário ressalta que as exigências garante a segurança de quem utiliza o serviço.

“Não é raro notícias na mídia de motoristas praticando crimes como tráfico de drogas, estupro, entre outros, que acontecem em outras cidades. E também ocorre o inverso, quando o próprio motorista é vítima de assalto. E nesse caso é possível identificar o criminoso que fez a solicitação da viagem”, explicou.

A lei regulamenta o transporte por aplicativos na cidade é a 5.680/19. A Secretaria de Mobilidade Urbana está à disposição para prestar esclarecimentos aos motoristas e proprietários de plataformas de transporte. O endereço é rua João Gonçalves de Oliveira, 37, Santa Terezinha. O telefone é (19) 3492-3773.

Redação

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do SeuJornal, não significa que foi escrita por um deles, na maioria dos casos, foi apenas editada.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Desative seu Bloqueador de anúncios e ajude nosso site a se manter vivo